in ,

Cruzeiro de Navio em Família: Vale ou não a pena ? Dicas únicas para você decidir!

familia em um cruzeiro com navio no fundo
familia em um cruzeiro com navio no fundo

Fazer um Cruzeiro de Navio com a família pode ser uma ótima viagem, ou não!!! Acredite, dependendo da fase da vida dos filhos, de algumas condições pessoais suas, entre outros motivos, é bom avaliar.

Aqui em geral a gente topa todo tipo de programa, mas depois de fazer nosso próprio cruzeiro, eu avaliei alguns pontos e olha, na maioria dos casos, é uma ideia interessante, mas é bom estar bem informado.

Fomos com meus pais, sogros, uma tia, irmão e cunhada, marido e nosso filho mais velho quando ainda era bebê. Tivemos um bom tempo sim, especialmente por estarmos com pessoas especiais para nós, mas tivemos algumas situações que passamos me fazem colocar esse relato!

 

Quando não embarcar em um cruzeiro de navio? Algumas desvantagens.

Destaco alguns pontos principais que é importante considerar antes de decidir, ou não, embarcar nessa:

> Preços – para inclusive bebês: é quase igual ao de um adulto (a diferença é mínima mesmo, de taxas), mesmo que fique na mesma cabine com os pais. O que vale a pena é buscar Promos que aí sim tem um benefício, mas no geral, o valor padrão é que um bebê paga quase o mesmo de um adulto.

 

Viagem de navio no exterior também precisa de Seguro Viagem. Em geral há médicos a bordo, mas o custo das consultas também é alto, não deixe isso ser um problema! Reserve a melhor opção com 5% de desconto usando o cupom TURISMOEMFAMILIA no Seguros Promo

 

familia em um cruzeiro com navio no fundo
Decidimos levar o nosso pequeno conosco sim, mas financeiramente não compensa levar bebês porque o preço é quase o mesmo de um adulto!

> Piscinas: não pode usar com fraldas em todas as companhias, mesmo as de água. Há navios, mas não todos, que possuem uma área molhada para bebês que ainda não desfraldaram.

Se é um cruzeiro de meia estação ou frio, ou a criança não curte tanto água se encara mais fácil.  Já o cruzeiro que fiz com minha família no caso foi um sol escaldante no fim de ano brasileiro. O Mateus, meu filho mais velho, era bebê e Já sabíamos, e levei uma piscina inflável, mas reclamaram que espalhava muita água e pediram para não usar. Vi crianças muito pequenas na piscina, impossível serem desfraldadas e percebi alguns pais tiravam a fralda e levaram os pequenos mesmo assim, e ninguém tinha como falar nada. Bem, fiz igual (me julguem) e só não levava quando sabia que era horário que “n.2”!

> Barreira da língua: a tripulação é sempre bem variada, mas se vocês não falam inglês, pode ser mais difícil, principalmente em um cruzeiro de navio mais distante do Brasil. Adultos se viram melhor, mas uma criança tímida ou com mais dificuldade com outro idioma ficar sozinha no kids club ou brinquedoteca pode ser mais complicado.

> Nesse assunto, há monitoras pagas em alguns momentos nas brinquedotecas, mas os pais nessa hora não podem ficar junto. Há os momentos livres sim, mas na hora do jantar por exemplo, pode ser que, mesmo que você queira, não seja permitido entrar com eles.

Muitos são aspectos culturais e vale entender disso. Se você acha que nenhum destes pontos são um problema, ou isso não vai de fato interferir no seu cruzeiro de navio com a família, vale a pena conferir a parte boa agora!

 

Quando embarcar em um cruzeiro de navio? Algumas vantagens.

> Em todo cruzeiro de navio que conheço tem uma brinquedoteca fresquinha e tranquila exclusiva aos pequenos até 3 anos, com vários horários para os pais brincarem junto. Alguns horários onde apenas babás podiam ficar com as crianças (pago a parte pra quem quer um tempinho a dois é uma) eram parte do serviço a bordo, mas não nos incomodou em nada.

brinquedoteca do navio
Na brinquedoteca do navio: e a motoca que ainda procuramos e compramos pra gente!

> Sem nenhum custo o nosso navio – que foi da @royalcaribbean_br ofereceu uma sacola de brinquedos para emprestar e levar pro quarto. Podia ficar vários dias e tinham sacolas diferentes, então dava pra mudar quando enjoasse. Algo simples que gostei muito!

> Alimentação: é super tranquilo. Diariamente tem ótimas opções pra todos os públicos, inclusive saudáveis de frutas, legumes refogados, purê… várias comidinhas para todas as idades. No que fizemos, o restaurante principal também abria super cedo e “jantávamos 2x”: antes com o pequeno e depois no restaurante a la carte 😅 afinal é tudo incluso!

Geralmente há mais de uma opção de restaurante dentro dos navios, e você escolhe onde quer ir, apenas precisa deixar reservado o horário que você vai. Mas ninguém vai te impedir de entrar mais tarde em um restaurante se você já tiver beliscado algo em outro!

> O navio é grande o bastante para explorar, e se divertir com as descobertas. Mateus foi um super fã das escadas, e teve um dia que subiu do 2 ao 11 andar sozinho (estávamos só de olho sem ajudar). Dormiu muito bem depois 😊 mas pra concluir, há muito o que explorar!

 

Mas se cruzeiro de navio fica só 1 dia nas paradas, vale a pena?

Eu também preferiria passar mais tempo em terra em vários destinos que os navios passam, mas uma viagem de cruzeiro de navio vai além disso. E você pode considerar estes outros pontos:

 

No Pão de Açúcar/RJ
No Pão de Açúcar/RJ: Passeio que deu pra fazer mesmo no fim de ano, e ainda não conhecíamos.

> Vejo um cruzeiro de navio muito além das paradas, mas como a experiência toda dentro de um navio. Há tantas atividades a bordo pra fazer que só a embarcação já é incrível. Tem navios com parque aquático, kart e até carrossel, fora gastronomia, lojas com duty free nos internacionais e shows diários! Eu e o Mateus ainda baby curtimos tanto uma motoca na brinquedoteca que compramos uma igualzinha 2 meses depois.

> Alguns destinos de uma rota podem ser a oportunidade única de você pisar em uma determinada cidade ou país. Mesmo que rápido, você pode ao menos conhecer um pouquinho. Pode ser também a chance de retornar e fazer aquele passeio que faltou em sua viagem anterior!

> O cruzeiro pode também te dar uma boa noção de um determinado destino. Nesse caso, você pode até ver que não era exatamente o que você esperava e ficar feliz por já ter ido, ou então se apaixonar por um destino inesperado. Nesse caso é muito simples: É só voltar e ficar mais. Entendo que nem sempre é tão simples, mas prefiro ir ao menos uma vez do que nenhuma, e continuar trabalhando e dando duro pra curtir férias futuras em algum lugar de sonhos!

 

Quem opera cruzeiros no mundo?

Se você foi do time que topou fazer o cruzeiro de navio, é hora de saber com quem fazer.

As empresas que operam cruzeiros interessantes no Brasil são a @costacruisesofficial e a @msccruzeiros com opções saindo de Santos e Rio de Janeiro na maioria dos casos (há uma opção recente que embarca por Itajaí), passando pelo litoral de SC, SP, RJ e BA. Inclui lugares lindos como Búzios, Ilhabela, Porto Belo e Ilhéus. Do Brasil há bons cruzeiros que vão até Montevideo e Buenos Aires também.

bebe em restaurante do navio
Nosso pequeno feliz da vida no restaurante do navio

> Estas empresas também operam no exterior todo, mas para Caribe, Europa e outras localidades há opções de empresas inclusive de maior padrão, como a @royalcaribbean_br e a @norwegianbrasil com ótimos roteiros e atividades de bordo! E a @disneycruiseline tem seu próprio roteiro e até uma ilha exclusiva!

 

Explore também o destino de partida antes ou depois do embarque. Veja hospedagens em Santos e Rio de Janeiro, as saídas mais comuns no Brasil, ou de Miami para o Caribe, além de muitas cidades da Europa, como Veneza!

 

Algumas dicas extras para um cruzeiro de navio em família

> Gravidas podem viajar até cerca de 20 semanas de gestação em um navio, ou seja, é mais limitado que vôos e precisa ter autorização médica.

> Cada navio tem um porte, estrutura e atividades diferenciadas, entre shows, kart, parque aquático, cassinos e parque de diversões. Vale muito conhecer mais sobre cada navio.

> Alguns roteiros são realmente incríveis. O que mais quero fazer é um cruzeiro no Alaska e passa por várias paisagens únicas. Há cruzeiros em muitos países diferentes no Caribe, que inicia no Chile e vai até o extremo sul na Patagonia e Ushuaia, terminando em Buenos Aires; em praias asiáticas paradisíacas; ou no norte europeu entre países nórdicos. E tem muito mais. 

 

A nossa experiência: Réveillon de Copacabana no Cruzeiro de Navio!

Eu recomendo fazer uma vez na vida ao menos (Mateus tinha 1 ano e meio). Estando com crianças – e sabendo o que esperar, este momento é uma baita facilidade, afinal, assistir o ano novo mais incrível do mundo – eu pelo menos acho – se arrumando com calma e tranquilidade na cabine, sem esperar horas na areia e com um ótimo jantar seguido de uma festa divertida é uma maravilha, e muito emocionante! E a queima de fogos é linda demais!

 

Réveillon em Copacabana do Navio: Inesquecível!
Réveillon em Copacabana do Navio: Inesquecível!

É caro? Sim, é caro. O preço pode variar de 30%-50% a mais do que qualquer outra época pelo simples fato de ser ano novo, mas te garanto que vale o investimento, afinal tá tudo incluso e você ainda vai aproveitar muito mais do que o ano novo: paradas, gastronomia e toda imensa programação de bordo.

O Cruzeiro de Navio que fizemos, da Royal não é mais realizado nesta rota atualmente, mas há boas opções da @msccruzeiros e @costacruisesofficial e se você pesquisar mesmo próximo da data, ainda terão cabines! Nós decidimos em outubro quando fizemos, foram 10 pessoas e deu certo!

E não só o cruzeiro, mas a viagem toda foi linda. Conhecemos alguns cantinhos brazucas como Ilhabela, Búzios e Bombinhas que tive a alegria de retornar, e levar meus pais que ainda não tinham ido.

Enfim, o nosso saldo de um cruzeiro em família foi positivo, e já temos agora outro na conta, mas sabemos o que esperar, e vamos aproveitar. Como vai ser por aí? Se não for agora, pode ser no futuro, mas o importante, é ter fazer a melhor viagem para a sua família!

Vai viajar? Acompanhe as dicas para famílias no Instagram @turismoemfamiliablog ou no pinterest.com/turismoemfamilia e use os nossos parceiros! Você me ajuda a continuar produzir conteúdos bacanas e não paga mais por isso. Aliás, até ganha descontos! Todas as vantagens estão  neste link Descontos e Benefícios

E se você trabalha com Turismo, também posso te ajudar Inovação, Marketing Digital e Base Técnica no segmento! Conheça minhas mentorias e capacitações, e todo meu portfólio no Menu Profissional.

 

 

Written by Flávia Sphair

Flávia Sphair, muito prazer! Sou Turismóloga, Viajante, Esposa, Mãe de 2 e a Blogueira por trás do Turismo em Família. Acredito que viagens e passeios proporcionam momentos e experiências únicas com que mais amamos, e minha missão aqui é ajudar famílias a viajarem mais e melhor, e também empresas do ramo a recebê-las da melhor forma possível, com consciência, respeito e empatia!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.