in ,

Carnaval em Veneza: Como é a festa? Vale ir com a família?

mae e filho com fantasiados em Veneza
mae e filho com fantasiados em Veneza

O Carnaval em Veneza foi uma grande surpresa para nós, das Boas!

Quando nos programamos para uma viagem em família pela Europa, demos sorte de pegar dias na Itália, dentro das passagens de black friday no período quem compramos, decidimos que iríamos para Veneza a partir de Milão, de onde era nosso trecho, passando por algumas cidades da Itália.

Fato é que muitos vôos internacionais chegam à Itália por Milão, seja pelo aeroporto de Linate (a melhor opção, bem mais próxima da cidade) ou por Malpensa, que é bem longe – quase 1h mesmo sem trânsito.

Se puder escolher, vá na primeira opção, e saiba que Milão é um bom coringa para sair rodando a partir dela. São várias cidades não tão distantes de Milão, como a vizinha Monza, Verona, a bela Sirmione, e a própria Veneza, cerca de 260km de lá – fizemos uma road trip que visitamos todas elas, porém precisa de um pouco mais de investimento na locação do carro do que ir de trem, que é uma ótima opção também (preferimos carro por facilidade com os pequenos e pela liberdade que tivemos de ver mais lugares).

 

Leia também: Roteiro em família de 1 dia em Milão

 

O final de semana mesmo do carnaval estaríamos em outro país, mas para nossa alegria, o carnaval em Veneza sempre começa antes que o carnaval brazuca, pelo menos uns 10 dias.

Fantasias em estilo antigo e mascaradas - é história
Fantasias em estilo antigo e mascaradas – é história

Claro que por aqui tem pré e pós carnaval e bloquinhos o tempo todo, mas fato é que o evento italiano é antecipado, e termina ou antes da nossa terça de carnaval, ou no máximo exatamente na terça. Por isso, conseguimos curtir a festa de máscaras mais famosa do mundo e você já fica sabendo para se programar!

Vale lembrar que lá realmente as máscaras estão em toda parte, e que isso é história. A corte italiana queria também aproveitar as festas que a população fazia, mas não queriam ser reconhecidos, e por isso surgiram as máscaras, e hoje são os principais símbolos do evento, que também tem fantasias de estilo antigo para relembrar essa época, o que é uma boa, já que ainda é inverno por lá, e você pode pegar um bom friozinho – leve a mala certa para o inverno!

Quando nos hospedamos na cidade, que possui áreas distintas como bairros, ficamos em um apartamento na melhor região, San Marco, justamente pela facilidade, o que recomendo, principalmente se você não quiser pegar (e pagar) o Vaporetto ou qualquer outro tipo de transporte aquático para a região da Piazza San Marco, sendo que tudo que é mais turístico e famoso está ao redor dela, incluindo igrejas, o Palazzo Ducale, a própria Ponte Rialto, e as inúmeras ruelas com lojinhas, restaurantes e lugares curiosos para ver e conhecer.

Tem que também ficar esperto porque os preços já não são tão amigáveis, e os apartamentos são na maioria muito antigos, vale a pena ver dicas de hospedagem na cidade para não cair em uma furada, mas não deixe de ir por isso, Veneza é única e incrível, só indo para entender!

E já era de se esperar que a maior parte da programação do Carnaval em Veneza também acontece na região de San Marco. Tem sim algumas festas e bailes em lugares um pouco mais distantes, mas o que acontece mesmo de principal é por ali.

A programação do evento é cheia e tem muitas coisas bem curiosas: jantares mascarados, shows com artistas e performances inclusive em baladas, e bailes tradicionais de máscaras. São eventos pagos, mas para nós, que estávamos com as crianças, não tinha muito sentido conhecer esta parte.

O que foi legal mesmo para nós, e curtimos bastante, foi justamente ver a programação gratuita de rua, e no palco que foi montado na Piazza San Marco, e compartilho algumas experiências que tivemos então de nosso carnaval em Veneza!

Crianças fantasiadas na Piazza San Marco: Afinal era carnaval, e a festa é para todos! Encontramos uma pequena Elsa de Frozen mascarada!
Crianças fantasiadas na Piazza San Marco: Afinal era carnaval, e a festa é para todos! Encontramos uma pequena Elsa de Frozen mascarada!

> Junto ao palco na Piazza, todos os dias, no fim da tarde até umas 21h00 da noite, começa com um DJ e depois tem algum show.

Não são bandas famosas, mas é de música boa, em estilos que vão mais para um pop rock. Ali também tinham famílias com crianças, e elas estavam fantasiadas com seus personagens e roupas favoritas. Nós dançamos e nos divertimos com os nosso meninos, e com as crianças que também pularam, correram e brincaram por lá!

 

 

> Durante o dia, no palco, há vários concursos de fantasias. Turistas, mas principalmente os locais, confeccionam fantasias com temáticas, e podem se inscrever gratuitamente, na hora mesmo na própria praça, em uma das sessões que tem um breve desfile, e uma explicação do que é a fantasia.

Há uma comissão que julga e o resultado sai rapidamente, geralmente com um ingresso para uma das festas que mencionei antes, porque não são baratas. Há fantasias e máscaras de todo o jeito, mas quase sempre neste estilo medieval de vestir, que é bonito e requintado.

> O mais curioso e que achei interessante é a quantidade de gente que se veste com as fantasias tradicionais, e nesse caso, quase todos são turistas, e é uma experiência oferecida na época do Carnaval em Veneza – ou seja, você também pode entrar na brincadeira!

Há lojas especializadas que alugam trajes para turistas. Neste caso você escolherá seu traje e máscara, e sairá passeando pelas ruas e vielas. Há pacotes que incluem sessões fotográficas, então você sairá com o fotógrafo que já sabe de alguns cenários interessantes, e fará fotos bem artísticas.

As fantasias são incríveis, e se quiser, você pode alugar e ser a própria atração!
As fantasias são incríveis, e se quiser, você pode alugar e ser a própria atração!

Por fim, você se torna a atração turística, afinal, todo mundo que está vendo acha divertido, e um monte de turistas fica tirando fotos com você, ou de você, e tem alguns turistas que simplesmente ficam andando e passeando com aquela roupa toda nas vielas.

Mas tem graça mesmo? Acredite, tem! É muito curioso, e divertido, e normal! Tem em toda parte: nas gôndolas, vielas grandes e pequenas, nos barcos de transporte público, por tudo! É muito legal observar os detalhes, as cores, e foi simplesmente muito bacana! As crianças claro, se divertiram!

 

Leia também: Vale a pena andar de gôndola em Veneza?

 

E algumas coisas sempre surgem no caminho. Vimos um tipo de bloco, com percussão e tudo, mas ele é com mais classe, é legal também!

Enfim, o carnaval em Veneza é diferente. Menos animado que o brasileiro de fato é, mas não deixa mesmo de ser tão legal quanto, porque não considero comparável, cada um tem seu estilo! Se quiser aproveitar tudo é fácil: vai nos primeiros dias para Veneza, e volta a tempo de aproveitar o restante no Brasil: as datas permitem isso!

Ir com crianças é legal sim, eles ficam super empolgados e com certeza são os que mais se divertem. A acessibilidade em Veneza definitivamente não é o forte e tem muitas escadarias e pontes, então, se você estiver com o carrinho de bebê como nós, vá preparado, mas muitas famílias iam subindo e descendo, com ajuda também de quem estava por lá e ninguém deixava de curtir!

Se puder vá, e para saber mais, confira o site oficial do carnaval em Veneza, você com certeza vai ver muita coisa legal!

Vai viajar? Acompanhe as dicas para famílias no Instagram @turismoemfamiliablog ou no pinterest.com/turismoemfamilia e use os nossos parceiros! Você me ajuda a continuar produzir conteúdos bacanas e não paga mais por isso. Aliás, até ganha descontos! Todas as vantagens estão  neste link Descontos e Benefícios

E se você trabalha com Turismo, também posso te ajudar Inovação, Marketing Digital e Base Técnica no segmento! Conheça minhas mentorias e capacitações, e todo meu portfólio no Menu Profissional.

 

Written by Flávia Sphair

Flávia Sphair, muito prazer! Sou Turismóloga, Viajante, Esposa, Mãe de 2 e a Blogueira por trás do Turismo em Família. Acredito que viagens e passeios proporcionam momentos e experiências únicas com que mais amamos, e minha missão aqui é ajudar famílias a viajarem mais e melhor, e também empresas do ramo a recebê-las da melhor forma possível, com consciência, respeito e empatia!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.